Menu
Fechar

Envie seu trabalho!

Preencha com seus dados e envie o arquivo em pdf.
Nome

E-mail

Escolha a seção

Enviar arquivo (.pdf)

Voltar

O adeus à campeã


Não teve despedida! Ela partiu, sem avisar.

Ruth Roberta de Souza, a Rutão como ficou conhecida a campeã de basquete feminino, nos deixou numa manhã fria de abril. Mais uma vítima da Covid-19

Nascida em Guiratinga, estado do Mato Grosso, mudou-se para Três Lagoas, Mato Grosso do Sul ainda pequena, aos 5 anos.

“Sempre que as pessoas me perguntavam em entrevista dizia que era de Três Lagoas. Por isso, não culpo ninguém por não ter me dado o título antes, ninguém sabia. Porque sou três-lagoense, mesmo. Se alguém me perguntar como chega em Guiratinga, eu nem sei onde fica.”, brincou a atleta ao receber o título de cidadã três-lagoense.

A carreira de Rutão durou 17 anos, de 1984 a 2001. Ruth passou por 7 clubes: Unimed (Piracicaba-SP), BCN (São Paulo-SP), Ponte Preta (Campinas-SP), Unimed (Araçatuba- SP), Nacional (Portugal), La Spezia (Italia) e Leite Moça (Sorocaba-SP).

Na seleção brasileira jogou de 1986 a 1995, onde disputou os Jogos Pan-Americanos de Havana, a Olimpíada de Barcelona e foi campeã mundial, ao lado de Magic Paula e Hortênsia com a seleção brasileira em 1994.

Nos Jogos Pan-Americanos, recebeu os cumprimentos do presidente cubano Fidel Castro após o ouro do Brasil na competição.

Após encerrar a carreira no basquete profissional, retornou a Três Lagoas, onde era técnica da equipe de basquete da prefeitura.

A conquista de 1994

Contrariando todas as expectativas, no dia 12 de junho de 1994, a seleção brasileira conquistou o Campeonato Mundial feminino de 1994. O triunfo, que aconteceu na Austrália, teve participação de grandes nomes da modalidade, como Hortência Marcari, Paula Gonçalves e Janeth Arcain. Na conquista ocorrida há 23 anos, o time derrotou a China na final, por 96 a 87.

Hortência foi considerada a maior jogadora do campeonato e uma das melhores do mundo, marcando 221 pontos na competição. Janete ficou em terceiro com 186 pontos e Paula em quinto com 158 pontos.

Para quem quiser recordar, a Federação Internacional de Basquete (FIBA) abriu seu acervo e disponibilizou o inesquecível título mundial da Seleção Brasileira feminina de 1994, em sua playlist no Youtube. (https://www.youtube.com/watch?v=5CUreu-c6p8)

Para quem não assistiu à partida, é a chance ideal para conferir todo o talento de Hortência, Janeth, Magic Paula, Rutão & cia.

A CBB apoia este site

CBB
© Copyright 2020 - Mulheres à Cesta. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido, ou usado, exceto com a permissão prévia por escrito.
Fale conosco – [email protected] - Site by Miss Lily.
Utilizamos cookies para melhorar sua experiência on-line. Ao continuar a navegar no site, você concorda com a nossa "Política de privacidade"
Você pode retirar seu consentimento a qualquer momento, alterando a configuração do navegador e removendo os cookies armazenados. Saiba mais.
Concordo